"Eu não escrevo poesia, não escrevo poema. Eu só desnudo minha alma." Fátima Amaral

sábado, 31 de julho de 2010

Plena

Quero a vida real
Sem ilusões de máscaras
Sem filosofias vãs
Ser apenas natural

Quero a fé verdadeira
Crer por crer
Sem explicações à templos
Aquela que se encontra aqui dentro

Quero somente a verdade
Não importa intensidade
Não quero ilusões de viagens
Labirintos de vertigens

Quero chão que eu pise
Não quero meias propostas.
Não quero quase chegar lá
Quero lá estar

Quero vida tatuada
Não quero vida de giz
Não quero mentiras
Quero raiz

Não quero rir por rir
Quero motivo pra isso
Nem que seja necessário
Refazer o início.

Não quero muito ter
Só o que tenho direito
Quero apenas ser
O ser do meu peito

27 comentários:

Tere disse...

oi fatima,quero apenas ser, o ser do meu peito,beijos de boa noite.tere.

Tere disse...

FATIMA QUERIDA ,ONDE SERA QUE ESTA O JARDIM CERTO???BEIJOS TERE.

rouxinol de Bernardim disse...

Fátima,

Ter aquilo a que se tem direito é o mínimo exigível!
Bem haja!

Pablo Rocha Poesias disse...

Terás tudo que quiseres com todo este talento!

beijos!

"Hamilton H. Kubo - Profundo Pensar" disse...

E de certo o ser que habita em seu peito é assim belo, tal como sua poesia que sempre nos dá alento.

Beijos

Cria disse...

Linda expressão de Amor, Poeta ! Beijos.

Barthes disse...

Amo os teus escritos,vejo neles,signos de tua alma delicada ,no céu inscritos.Bjosss...

MOISÉS POETA disse...

que tudo seja pleno...!

gostei do poema, UM BEIJO!

Juci Barros disse...

Perfeito! Afinal, o que quase viver?
Beijos.

Pontos de Ligação disse...

O que queremos é uma vida natural, sem mentiras, sem imposições...
Ah, que bom seria se a vida fosse como descreveste neste poema....
Na verdade isso é tudo que precisamos, então por que não é isso que temos?
Belo poema, Fátima!

Letícia

João Videira Santos disse...

"Quero apenas ser
O ser do meu peito"

...E assim, num remate de oito palavras, tudo fica dito

Eraldo Paulino disse...

Ual!

Melhor poema que li na blogsfera nas últimas duas semanas...

Bjs!

Elzenir Apolinário disse...

Quero o que pode ser meu. Adorei. Bjs

Anônimo disse...

Fátimaaaaaa....a Linda Lua da sala, discreta, iluminada, amiga sempre....mesmo a conhecendo tão pouco....mas acho que já nos temos amiga de alma...

Adorei seu poema ...Tanta pureza de ser ...de ter ...de querer...numa ultima frase fecha o contexto de uma vida: de que ser é conceber a plenitude de padecer feliz *.*

Sou doida mesmo....rsrs , não ligue foi o que entendi kkkkk

um abraço afetuoso da Frida/Lívia *.*

:: Mari :: disse...

Oxi criatura,
Também quero tudo isso, viu?!?

Olha menina, você foi agraciada com um dom maravilhoso. Parabéns!
Que posso dizer mais, se adorei mesmo!!!

Bjão bem grandão

legalmente loira... disse...

fátima querida,
eu voltei hehehehe
logo mais eu venho saudades...
as férias otimas ....
bjos.

Raquel de Carvalho disse...

Coisas concretas é o q todos nós precisamos né... Adorei!!!

Tem selinho pra vc lá no blog: http://pensadoecontado.blogspot.com/

Vai lá buscar... ihihihi
Beijoss, querida!

Nini C . disse...

Muito bom, é o que eu quero também =/
Beijos... Saudades...

Cadinho RoCo disse...

Pra querer é preciso ser, pra ser é preciso querer e assim vamos pelas voltas a darem voltas em nós mesmos.
Cadinho RoCo

PRECIOSA disse...

Esse lugar existe, Todos podemos alcança-lo, basta ter amor e sinceridade. Amei seu blog.
Sou sua mais recente seguidora
Estarei visitando-a sempre para ler o amor em sua escrita.

Espero visita em meu blog, ficarei feliz,
Abraços carinhoso
Preciosa Maria

Por que você faz poema? disse...

Também quero a verdade,
e um pouco de ilusão no final da noite.

Marisa Queiroz disse...

lindo poema revelador de uma alma tão bonita e apaixonada. Adorei o blog também. Um beijo

Socorro disse...

Eu queria tudo isso e mais algumas coisas, rs! - Mas por enquanto, fico no Ser do Meu Peito, das minhas vontades e sem labirintos de vertigens.

Beijos e obrigada por ter gostado do meu texto. E o de hoje?rs!

G I L B E R T O disse...

Fatima

Em teu poema estão presente verdade, autenticidade e personalidade, todas elas qualidades maravilhosas para um ser humano!

Muito criativo este teu sítio. Parabéns!

gilberto (nel mezzo del cammim)

Rêgo disse...

Olá Fatima
Nem eu mesmo tenho andado muito no meu blog. Falta de tempo e muito estress estão me afastando da poesia, mas sempre há alguém como você por perto para nos puxar de volta ao caminho do belo. Parabéns pelos poemas. Bjs Ana

A Escafandrista disse...

a busca pélo ser essencial, é isso aí!

Jocarlosbarroso disse...

A vida de giz sempre se esvai, como poeira por isso temporanea e nem semore verdadeira.
Parabéns, linda poesia! Como sempre.
Obrigado por sua visista.
Lindo layaut