"Eu não escrevo poesia, não escrevo poema. Eu só desnudo minha alma." Fátima Amaral

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Unificados


Como tocar a alma de alguém
Cujo coração o céu levou.
Como transpassar o céu.
Necessito de asas para esse vôo.

Para encontrar o teu vazio.
Preencher uma metade ausente.
Dar vida a um lado frio,
A essa metade dormente.

Entrego-me a qualquer emoção.
Todo o sentimento para voar,
Alem da altura, além do que,
Nem você mesmo segura.

Do meio coração, faço-o inteiro.
Dando-lhe meu amor verdadeiro.
Una-se a mim, complete minhas asas.
Tire-nos do castigo. Voe comigo.

15 comentários:

Mila disse...

Adorável sua poesia Fátima, mesmo nostalgica encantou-me demais.

Quero te convida a visitar meu novo espaço, "Doce Grafar"
http://docegrafar.blogspot.com/
Faça uma visita, se gostar fica, rs
Bjs linda!
Mila Lopes

D, disse...

Fátima, de forma alguma minto ou exagero, 'apenas' admiro muito - e de fato - sua poesia

E depois dessa o que posso lhe dizer?
Continuas com a mão cheia

Parabéns mais uma vez, e obrigado pelo carinho com meu blog
Realmente fico feliz que goste do que eu escrevo, de verdade

Até
Beijos

Socrro disse...

Ahhh.... como eu queria ter asas, para voar, atravessar o céu e ir de encontro a quem tanto quero perto de mim e pediria para voar junto comigo. É querer demais, né?rs.
Lindo poema.

Amiga, obrigada pelas palavras de força e de carinho. Realmente nada em execesso faz bem pra gente.
Beijos...

OutrosEncantos disse...

Tu escreves muitissimo bem, menina!
Gosto de te ler!

Obrigada pelo carinho
Beijo.

Daniel Costa disse...

Fátima

Tenho de dizer que gosto da contrução do poema, mas ocorre-me dizer que dois pares de asas, em conecção voam melhor.
Daniel

"Hamilton H. Kubo - Profundo Pensar" disse...

Simplesmente perfeita poesia.
Traz um coração magoado, e junto palavras de alento.
De amor em conjunto, de alçar o vôo perfeito de amor no peito.

Lindo, lindo!!

Beijos!

Cria disse...

Isto é Amor verdadeiro, amiga !! Beijos, obrigada por teu carinho de sempre.

MOISÉS POETA disse...

OBRIGADO PELA VISITA EM MEU BLOG !
EM VISITA AO SEU GOSTEI DO QUE VI E LI ...!

QUE A POESIA INUNDE A SUA VIDA INTEIRA ... GRANDE BEIJO PRA VOCE !

Rico Salles disse...

Você já tem asas, as asas da poesia. Bj!

ARTESÃ DAS LETRAS disse...

Boa Noite , Amiga!
Uma bela composição, com muito
sentimento, que a inspiração esteja sempre contigo, desculpe a ausência estou tentando voltar aos poucos...
Obrigada pelo carinho de sempre e fique com Deus, bjs da amiga, Taís

Michele P. disse...

"Do meio coração, faço-o inteiro."

Lindo Fátima! Encantou-me!

Raquel de Carvalho disse...

Belas palavras, Fátima!

Merecia que seu pedido fosse atendido e suas asas à levasse aonde tanto desejas! Mas que essas asas a trouxessem de volta quando quisesse!

Beijos

legalmente loira... disse...

querida fátima,
estamos sempre indo para novos rumos...novos caminhos beijos com carinho

O Profeta disse...

E parto no embalo do fim do dia
Não levo bagagem para o viver dos sonhos
Levo apenas esta força imensa
Que ofusca até os seres bisonhos

São tantos os caminhos que percorro
Neste infinito mágico há algo que senti
O deslumbramento preso a um sorriso
Gerado no...Feitiço que há em Ti...


Doce beijo

Nilson Barcelli disse...

Gostei do seu poema, amiga Fátima.
E não faltará quem queira voar com vc.
Beijos.